terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Esclarecimento seguidores REGINA COELI

Nós do Regina Coeli, pedimos perdão a nossos seguidores e amigos pelo fato de não estar mais atualizando o blog. É que tivemos problemas com o computador e outros motivos particulares que impediram de atualizar. Nos colocamos a disposição se alguém quiser ser autor, é só entrar em contato conosco. Ficaremos felizes em ter novos parceiros. Deus sempre os abençoe e desde já os mais sinceros votos de um FELIZ E SANTO NATAL e um PRÓSPERO ANO NOVO! Alan Felipe Basteli - Administrador e Proprietário. "Pro Ecclesiam et pro Vitae - Pela Igreja e pela Vida!"

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Papa Francisco declara 2015 o Ano da Vida Consagrada

O Papa Francisco anunciou nesta sexta-feira, 29, que o ano de 2015 será dedicado à Vida Consagrada. O anúncio foi feito durante a 82ª Assembleia Geral da União dos Superiores Gerais (USG), que está sendo realizada em Roma. Aos participantes, o Papa afirmou que a radicalidade é pedida a todos os cristãos, mas os religiosos são chamados a seguir o Senhor de uma forma especial. “Eles são homens e mulheres que podem acordar o mundo . A vida consagrada é uma profecia”. O encontro ocorreu nesta manhã, na Sala Sínodo, no Vaticano. Em três horas de reunião, o Pontífice respondeu às perguntas dos superiores gerais e tratou de temas referentes a Nova Evangelização. Interrogado sobre a situação das vocações, o Papa afirmou existir Igrejas jovens que estão dando muitos frutos, e isso deve levar a repensar a inculturação do carisma. “A Igreja deve perdir perdão e olhar com muita vergonha os insucessos apostólicos por causa dos mal-entendidos neste campo, como no caso de Matteo Ricci”. O diálogo intercultural, segundo Francisco, deve introduzir no governo de institutos religiosos pessoas de várias culturas que expressam diferentes formas de viver o carisma. Durante o diálogo, Francisco insistiu sobre a formação, que em sua opinião, deve ser baseada em quatro pilares: espiritual, intelectual, comunitária e apostólica. “É essencial evitar todas as formas de hipocrisia e clericalismo através de um diálogo franco e aberto sobre todos os aspectos da vida. Francisco destacou também que a formação é uma obra artesanal e não um trabalho de políciamento. “O objetivo é formar religiosos que tenham um coração terno e não ácido como vinagre”, alertou. Sobre a relação das Igrejas particulares com os religiosos, o Papa disse conhecer bem os problemas e conflitos. “Nós bispos, precisamos entender que as pessoas consagradas não são um material de ajuda, mas são carismas que enriquecem as dioceses”. Ao falar sobre os desafios da missão dos consagrados, o Pontifice destacou que as prioridades permanecem as realidade de exclusão, a preferência pelos mais pobres. Destacou também a importância da evangelização no âmbito da educação, como nas escolas e universidades. “Transmitir conhecimento, transmitir formas de fazer e transmitir valores. Através destes pilares se transmite a fé. O educador deve estar à altura das pessoas que educa, e interrogar-se sobre como anunciar Jesus Cristo à uma geração que está mudando”. No final do encontro, Francisco agradeceu aos superiores gerais pelo “espírito de fé e serviço” à Igreja. “Obrigado pelo testemunho e também pelas humilhações pelas quais vocês passam”, concluiu o Papa. Fonte: Canção Nova

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Papa nomeia novo Bispo para Crateús - CE

Monsenhor Ailton Menegussi - Nomeado Bispo Diocesano de Crateús-CE
Cidade do Vaticano (RV) – Nomeação para o Brasil nesta quarta-feira: o Papa Francisco nomeou como Bispo de Crateús (CE) o Reverendo Ailton Menegussi, do clero da Diocese de São Mateus (ES). Até então, Pe. Ailton era pároco da paróquia “São Francisco de Assis” em Barra de São Francisco, na mesma Diocese. O novo Bispo nasceu em Nova Venécia, diocese de São Mateus, em 5 de novembro de 1962. Recebeu a ordenação sacerdotal em 22 de novembro de 1998. Estudou no Instituto de Filosofia e Teologia da Arquidiocese de Vitória. E obteve a Habilitação para o Magistério na Escola de Formadores ITESC/CRB em Florianópolis. No decorrer do ministério sacerdotal, desempenhou os seguintes cargos: Vigário Paroquial da Paróquia “São José” em Águia Branca e “Nossa Senhora Aparecida” em Montanha, Diocese de São Mateus (1998-2000); Vigário Paroquial em São Mateus (2000-2003); Reitor do Seminário Menor e Propedêutico “João XXIII” em São Mateus (2000-2003); Reitor do Seminário Maior de São Mateus em Carapina, Arquidiocese de Vitória (2003-2012); Padre Espiritual do Seminário Maior “Maria, Mãe da Igreja” da Diocese de Colatina em Serra, Arquidiocese de Vitória (2003-2012); Coordenador da Equipe diocesana vocacional da diocese de São Mateus (2003-2012); Membro do Conselho de Formação da diocese de São Mateus (2007-2012). Atualmente, trabalha como Pároco na Paróquia “São Francisco de Assis” em Barra de São Francisco, Diocese de São Mateus. (BF) Fonte: Rádio Vaticano

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Promulgação de Decretos da Congregação para a Causa dos Santos

Cidade do Vaticano (RV) – Papa Francisco recebeu em audiência, na manhã desta quinta-feira,31, no Vaticano, o Cardeal Angelo Amato, Prefeito da Congregação das Causas dos Santos, para a promulgação dos seguintes Decretos: - Martírio do Servo de Deus, Antonio Durcovici, bispo de Iasi, na Romênia, nascido em Altenburg, na Áustria, em 17 de maio de 1888, e assassinado por ódio à fé no cárcere de Sighet, na Romênia, em 10 de dezembro de 1951; - As virtudes heróicas da Serva de Deus, Onoria “Nano” Nagle (no religioso Joana de Deus), Fundadora da Congregação das Irmãs da Apresentação da Bem-aventurada Virgem Maria, nascida em Ballygriffin (Cork, na Irlanda), em 1718, e ali falecida em 26 de abril de 1784; - As virtudes heróicas da Serva de Deus, Celestina Bóttego, Fundadora da Sociedade Missionária de Maria, nascida em Glendale (Ohio, EUA), em 20 de dezembro de 1895, e falecida em São Lázaro de Parma, na Itália, em 20 de agosto de 1980; - As virtudes heróicas da Serva de Deus, Olga da Mãe de Deus (no civil Olga Maria Fortunata Gugelmo), Religiosa professa da Congregação das Filhas da Igreja, nascida em Pojana Maggiore (Vicência, Itália), em 10 de maio de 1910, e falecida em Mestre (Veneza, Itália), em 11 de abril de 1943. (Sedoc-MT) Fonte: Rádio Vaticano

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Frei Rinaldo Stecanela em Santa Gertrudes - SP

A Paróquia São Joaquim junto com seu pároco padre Inácio Cusmano, convida toda a população gertrudense e das cidades da região para participarem da Missa da Família celebrada pelo Frei Rinaldo Stecanela da TV Século 21, a realizar-se no dia 30 de outubro de 2013 (quarta-feira) às 19h30 na Igreja Matriz de São Joaquim, situada na Praça Carlos Buschinelli s/n, centro, Santa Gertrudes-SP Venha e traga toda sua família!

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Papa nomeia novo Bispo para Franca - SP

Dom Paulo Roberto Beloto - Nomeado Bispo Diocesno de Franca - SP
Cidade do Vaticano (RV) – Nesta quarta-feira, o Santo Padre Francisco nomeou Bispo de Franca (SP) Dom Paulo Roberto Beloto, transferindo-o da diocese de Formosa (GO). Dom Paulo Roberto Beloto nasceu em 9 de abril de 1957, em Adamantina, na diocese de Marília. Estudou Filosofia no Seminário Bom Jesus em Aparecida e Teologia na Faculdade Nossa Senhora da Assunção em São Paulo. No Seminário dos Carmelitas em São Roque, frequentou cursos de espiritualidade. Foi ordenado sacerdote em 29 de junho de 1986 para a diocese de Marília, onde desempenhou inúmeros cargos. Em 16 de novembro de 2005 foi noemado Bispo de Formosa, e recebeu a ordenação episcopal em 4 de fevereiro de 2006. Desde 2011, é Membro do Conselho Fiscal da CNBB. Seu lema episcopal é "Evangelli Servus - Servidor do Evangelho." (BF) Fonte: Rádio Vaticano

terça-feira, 22 de outubro de 2013

Papa Francisco é convidado a visitar o Japão no próximo ano

O presidente da Conferência Episcopal japonesa, Dom Pietro Takeo Okada, convidou o Papa Francisco a visitar o Japão no próximo ano. O convite foi feito por meio de uma carta oficial enviada nesta semana ao Vaticano. O arcebispo de Tóquio destacou na carta que a Igreja do Japão se esforça para viver o chamado de Francisco à nova evangelização. De acordo com o arcebispo, receber o Papa nesse momento seria uma grande graça para os fiéis permanecerem firmes no propósito. “A sua visita seria motivo de muita alegria. Santo Padre, nós sabemos que o senhor é muito ocupado com o seu santo ministério, mas mesmo assim, pedimos que considere este pedido sincero”, sublinha a carta enviada ao Papa. O ministro conselheiro da Embaixada do Japão junto à Santa Sé, Shigeru Tokuyasu, afirmou que por parte do governo o convite oficial ao Papa ainda será feito. O diplomata ressaltou que o governo japonês se unirá ao pedido dos bispos para reforçar o convite. O Papa Francisco já recebeu outros convites de países da Ásia. O arcebispo de Daejon, na Coreia do Sul, Dom You Heung-sik, afirmou ter feito ao Pontífice um convite para visitar o país em 2014. As conferências episcopais do Sri Lanka e das Filipinas também enviaram ao Papa carta oficial pedindo sua presença no próximo ano. A Secretaria de Estado do Vaticano, que responde aos pedidos de visitas feitos ao Papa, ainda não se pronunciou sobre as possíveis viagens do Pontífice em 2014.
Fonte: Canção Nova

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

Não será preciso bilhete para canonização dos Papas

A Prefeitura da Casa Pontifícia comunica que não é necessário nenhum bilhete de entrada para participar da canonização dos Beatos João XXIII e João Paulo II, no domingo, 27 de abril de 2014. "A participação será aberta a todos aqueles que conseguirão um lugar na Praça São Pedro, Praça Pio XII e Via da Conciliação." Normalmente, para participar de cerimônias no Vaticano, é necessário a apresentação de bilhetes fornecidos pela Casa Pontifícia. A medida é feita para controle do número de peregrinos. O comunicado chama a atenção dos fiéis para ações de cambistas e de pedido de dinheiro por parte de agências ou agentes de turismo para obter bilhetes, e destaca que os bilhetes para participar das audiências ou celebrações presididas pelo Santo Padre são totalmente gratuitos. Fonte: Rádio Vaticano

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Papa cria nova Diocese no Brasil: Coari (AM)

Dom Marek Piatek - Primeiro Bispo Diocesano
Catedral de Coari Cidade do Vaticano (RV) – A Igreja brasileira ganhou mais uma diocese nesta quarta-feira: Coari, no Amazonas, até então Prelazia Territorial. O Papa Francisco nomeou como primeiro Bispo Dom Marek Marian Piatek, C.SS.R., até então Bispo Prelado. Dom Piatek nasceu em 10 de outubro de 1954 na cidade de Tuchów, na Polônia. É membro da Congregação do Santíssimo Redentor (Redentoristas), na qual emitiu a primeira profissão religiosa em 15 de agosto de 1974. Estudou Filosofia e Teologia no Seminário dos Redentoristas de sua cidade, e obteve o Doutorado em Teologia Moral na Academia Alfonsiana de Roma. Foi ordenado sacerdote em 5 de junho de 1980 e seis anos depois foi enviado como missionário ao Brasil, na Arquidiocese de Salvador, onde desempenhou vários cargos, como formador de estudantes, professor de Teologia e pároco. Em 15 de junho de 2011, foi nomeado Bispo Prelado de Coari, recebendo a ordenação episcopal em 12 de agosto do mesmo ano. O município de Coari está encravado no coração da Amazônia, a quase 400 km de Manaus. Tem cerca de 80 mil habitantes e se destaca na produção de petróleo e gás natural. (BF) Fonte: Rádio Vaticano

terça-feira, 8 de outubro de 2013

Papa convoca Sínodo Extraordinário sobre a família para 2014

O Papa Francisco convocou nesta terça-feira, 8, a 3ª Assembleia Geral Extraordinária do Sínodo dos Bispos, com o título: “Os desafios pastorais da família no contexto da evangelização”. O Sínodo será no Vaticano, de 5 a 19 de outubro de 2014 e seu novo secretário é Dom Lorenzo Baldisseri, nomeado por Francisco em 21 de setembro passado. Dom Lorenzo foi Núncio Apostólico no Brasil de 2002 a 2012, quando se tornou Secretário da Congregação para os Bispos, chamado por Bento XVI. O arcebispo foi também secretário do Conclave que elegeu Papa Francisco. Em recente entrevista, o Diretor da Sala de Imprensa, padre Federico Lombardi, adiantou que a Secretaria do Sínodo divulgará em breve informações detalhadas sobre o modo em que o Sínodo será realizado e as modificações em seu regulamento. Sínodo dos Bispos é uma reunião de vários dias, convocada pelo Papa, com Bispos convidados do mundo todo, para tratar de determinado assunto da Igreja, de doutrina ou de pastoral (família, Eucaristia, sacerdotes, etc). Há os Sínodos ordinários a cada quatro anos e os extraordinários que o Papa convoca a qualquer tempo. Após o Sínodo, o Papa emite um documento chamado Exortação Apostólica, na qual resume e aprova as principais conclusões às quais os Bispos chegaram durante as reuniões. Fonte: Rádio Vaticano

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

João XXIII e João Paulo II serão canonizados em 27 de abril de 2014


Cidade do Vaticano (RV) - Nesta segunda-feira, 30, Papa Francisco anunciou a data da canonização dos Papas João Paulo II e João XXIII: 27 de abril de 2014, II Domingo de Páscoa, da Divina Misericordia.

A decisão foi tomada durante o consistório ordinário público convocado especialmente para aprovar as causas de canonização dos dois pontífices. A celebração teve início às 10h (horário de Roma), e contou com a presença dos cardeais presentes em Roma. Dentre eles, dois brasileiros: Dom João Braz de Aviz, Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, e Dom Raymundo Damasceno Assis, arcebispo de Aparecida.

A decisão de unir no mesmo dia a canonização dos seus dois predecessores foi explicada pelo Papa Francisco, em julho passado, como uma mensagem para a Igreja, porque os "dois são bons, são dois bons".

Karol Jozef Wojtyla foi eleito Papa no dia 16 de outubro de 1978. Nasceu em Wadowice (Polônia), em 18 de maio de 1920, e morreu no Vaticano, em 2 de abril de 2005.

Em quase 27 anos de pontificado, João Paulo II escreveu 14 Encíclicas, 15 Exortações Apostólicas, 11 Constituições Apostólicas e 45 Cartas Apostólicas.

Em seu pontificado, fortaleceu a fé da Igreja promulgando o Catecismo da Igreja Católica. Promoveu um intenso itinerário de vida espiritual com o Ano da Redenção, o Ano Mariano, o Ano da Eucaristia e o Jubileu do Ano 2000 e criou as Jornadas Mundiais da Juventude (JMJ), aproximando a Igreja dos jovens.

O primeiro milagre do Papa João Paulo II foi o da irmã francesa Marie Simon-Pierre, que ficou curada da doença de Parkinson. Com ele, teve início o processo de canonização de João Paulo II. O pontífice polonês foi proclamado beato pelo Papa emérito Bento XVI em 1º de maio de 2011, na Praça de São Pedro.

A Igreja Católica celebra a memória litúrgica de João Paulo II no dia 22 de outubro, data que assinala o dia de início de pontificado do Papa em 1978.

Angelo Giuseppe Roncalli, o Papa João XXIII, nasceu em 1881 na localidade de Sotto il Monte, Bergamo, onde foi pároco e professor no seminário, secretário do bispo e capelão do exército durante a I Guerra Mundial.

João XXIII iniciou a sua carreira diplomática como visitador apostólico na Bulgária, de 1925 a 1935; foi depois delegado apostólico na Grécia e Turquia, de 1935 a 1944, e Núncio Apostólico na França, de 1944 a 1953.

Em 1953, Angelo Roncalli foi nomeado Patriarca de Veneza e no dia 28 de outubro de 1958 foi eleito Papa, sucedendo a Pio XII. Aos 77 anos, em 1962, João XXIII, resolveu “arejar” a Igreja e inaugurou o Concílio Vaticano II. Morreu um ano depois.

“O Papa bom” foi declarado beato por João Paulo II no dia 3 de setembro de 2000. Seu processo de canonização tem uma particularidade considerada rara na história da Igreja: ficou isento do reconhecimento de um segundo milagre - condição necessária para que um beato seja elevado a santo.
(CM)

Fonte: Rádio Vaticano 

quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Papa nomeia Bispo para Lorena (SP) e Auxiliar para Salvador (BA)


Frei João Muller - Nomeado Bispo Diocesano de Lorena - SP

Dom Marco Leite de Almeida - Nomeado Bispo Auxiliar de São Salvador - BA


Cidade do Vaticano (RV) – Nesta quarta-feira, o Santo Padre aceitou a renúncia ao governo pastoral da Diocese de Lorena (SP), apresentada por Dom Benedito Beni dos Santos, em conformidade ao can. 401 § 1 do Código de Direito Canônico.

O Santo Padre nomeou Bispo de Lorena o Reverendo Frei João Inácio Müller, O.F.M., até então Ministro Provincial dos Frades Menores da Província “São Francisco de Assis”, com sede em Porto Alegre. 

Monsenhor Müller nasceu em 15 de junho de 1960 em Santa Clara do Sul (RS), Diocese de Santa Cruz do Sul. Fez a profissão religiosa na Ordem dos Frades Menores em 14 de abril de 1985 e foi ordenado sacerdote em 3 de dezembro de 1988. 

Estudou Filosofia na Faculdade “Imaculada Conceição” de Viamão, na Arquidiocese de Porto Alegre, e Teologia na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul e no Studium Theologicum em Jerusalém. Obteve a Licenciatura em Teologia Espiritual no Antonianumem Roma. 

Desempenhou os seguintes cargos: Promotor Vocacional e Membro da Equipe dos Formadores no Seminário Seráfico “São Francisco de Assis”, em Taquari, Arquidiocese de Porto Alegre (1988-1990); Promotor Vocacional, Membro do Secretariado Vocacional e do Conselho de Formação, Membro da Fraternidade no Seminário Menor em Arroio do Meio, diocese de Santa Clara do Sul (1990-1992); Secretário de Pastoral, Promotor Vocacional, Guia dos Candidatos ao Postulantado em Lomba do Pinheiro, Arquidiocese de Porto Alegre (1992-1994); Guardião do Convento “São Boaventura” (1997-1998); Vigário Paroquial da Paróquia “São João Batista” em Daltro Filho na diocese de Caxias do Sul (1997-2004); Mestre de Noviços (1997-2004); Secretário da Formação e Estudos da Província e Definidor Provincial (1999-2007); Vigário da Fraternidade, Mestre dos Estudantes de Filosofia, Agente de Pastoral na Rede de Comunidade da Paróquia “Santa Clara” em Lomba do Pinheiro (2005-2007). 

Desde 2007 é Ministro Provincial da Província Franciscana “São Francisco de Assis” do Estado do Rio Grande do Sul. 

Arquidiocese de Salvador

Ainda esta quarta, o Papa Francisco nomeou Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Salvador Dom Marco Eugênio Galrão Leite de Almeida, transferindo-o da Diocese de Estância (SE).

Dom Leite de Almeida nasceu em 30 de janeiro de 1959 em Aracaju (SE). Foi ordenado sacerdote em 1989 e incardinado na Arquidiocese de Aracaju, onde desempenhou vários cargos, entre os quais Chanceler da Cúria Arquidiocesana e Professor do Instituto de Teologia para os Leigos.

Em 30 de abril de 2003 foi nomeado Bispo de Estância e recebeu a ordenação episcopal em 16 de julho do mesmo ano. Seu lema episcopal é: "Propter Te Domine - Em favor, de ti Senhor".


(BF)
Fonte: Rádio Vaticano 

domingo, 22 de setembro de 2013

Nomeações, renúncias e confirmações na Cúria Romana


Cidade do Vaticano (RV) – Neste sábado,21, o Papa Francisco fez as seguintes mudanças na Cúria Romana:

- Acolheu a renúncia apresentada por limites de idade do Cardeal português Manuel Monteiro de Castro como Penitenciário-Mor e nomeou como seu sucessor o Cardeal Mauro Piacenza, até então Prefeito da Congregação para o Clero;

- Na Congregação para a Doutrina da Fé: confirmou como Prefeito Dom Gerhard Ludwig Müller; como Secretário Dom Luis Francisco Ladaria Ferrer; e nomeou Secretário Adjunto Dom Joseph Augustine Di Noia, até então Vice-Presidente da Pontifícia Comissão «Ecclesia Dei»; confirmou ainda os membros e os consultores, nomeando como novo Consultor Dom Giuseppe Sciacca, Secretário Adjunto do Supremo Tribunal da Assinatura Apostólica;

- Na Congregação para a Evangelização dos Povos: confirmou como Prefeito o Cardeal Fernando Filoni; como Secretário Dom Savio Hon Tai-Fai; como Secretário Adjunto Dom Protase Rugambwa; e todos os membros e consultores do Dicastério;

-Na Congregação para o Clero: nomeou como Prefeito o Arcebispo Dom Beniamino Stella, até então Presidente da Pontifícia Academia Eclesiástica; confirmou como Secretário Dom Celso Morga Iruzubieta; e nomeou como Secretário para os Seminários Dom Jorge Carlos Patrón Wong, elevando-o à dignidade de Arcebispo;

- Na Administração do Patrimônio da Sé Apostólica: nomeou Delegado da Seção Ordinária o Mons. Mauro Rivella, do Clero da Arquidiocese de Turim.

O Santo Padre nomeou Núncio Apostólico na Alemanha Dom Nikola Eterovic, até então Secretário-Geral do Sínodo dos Bispos, e chamou para suceder-lhe no mesmo cargo Dom Lorenzo Baldisseri, até então Secretário da Congregação para os Bispos.

O Papa Francisco nomeou ainda como Núncio Apostólico em Serra Leoa Dom Miroslaw Adamczyk, até então Núncio na Libéria e Gâmbia.

Por fim, o Pontífice nomeou como Núncio Apostólico e Presidente da Pontifícia Academia Eclesiástica o Mons. Giampiero Gloder, Conselheiro de Nunciatura, elevando-o a dignidade de Arcebispo.
(BF)
Fonte: Rádio Vaticano 

sexta-feira, 20 de setembro de 2013

Imagem Peregrina visita Diocese de Piracicaba

Padre André Andrade Brandão - Pároco de Santa Terezinha de Piracicaba

Nesta sexta-feira (20), a Santa Missa das 9h00 no Santuário Nacional foi ainda mais especial para peregrinos da cidade de Piracicaba (SP). Cerca de 30 religiosos e leigos vieram ao Santuário buscar a Imagem Peregrina de Nossa Senhora Aparecida, que permanecerá na diocese até 1º de outubro.
Fiéis da Paróquia Santa Terezinha e o pároco, padre André Andrade Brandão, receberam a Imagem ao final da celebração presidida pelo Missionário Redentorista padre Antônio Roberto Pimenta.
“Maria, mulher da iniciativa, mulher da escuta. Aprendamos com Nossa Senhora a escutar e a fazer silêncio. É um momento de muita graça, de presença da Mãe que envia cada um de seus filhos e filhas a serem bons missionários do anúncio do Reino de Deus”, disse o animador, padre Braz Romeiro Portes, Missionário Redentorista.
O recebimento da Imagem Peregrina integra a comemoração pelo jubileu de 50 anos da paróquia, que será comemorado em 2015. “Estamos vivenciando o triênio de preparação para o jubileu. O primeiro ano já aconteceu em 2012. E em 2013, segundo ano de preparação, estamos celebrando o tema ‘Povo de Deus sob a proteção de Maria’. Por isso, nestes dias que antecedem a Festa de Santa Terezinha, viemos aos pés da Mãe busca-la para estar com a comunidade, nos abençoando e nos orientando no caminho de Jesus Cristo. Já o terceiro ano será mais voltado para Santa Teresinha”, explicou o pároco.
Até o dia 30 de outubro, o Santuário Nacional enviará a Imagem de Aparecida a outras dezesseis paróquias do Brasil.
Fonte: A12.com

Ostensório da JMJ na Paróquia de Copacabana


Rio de Janeiro (RV) - Jesus Eucarístico está exposto na Capela do Santíssimo da Paróquia Nossa Senhora de Copacabana, em Copacabana, no ostensório exclusivamente feito para a vigília da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Rio2013. A entrega oficial foi feita, na manhã do último dia 16 de setembro, pelo Arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, durante a missa de despedida do Padre Anísio José Schwirkowski, SCJ, que foi Diretor do Setor de Relações Internacionais do Comitê Organizador Local da JMJ Rio2013 e o idealizador da JMJ no Brasil. 

“O ostensório permanecerá definitivamente na Igreja Nossa Senhora de Copacabana. O bairro acolheu a vigília, além de outros eventos durante a JMJ, e, por isso, nada mais justo ele ficar aqui”, disse Dom Orani. A missa foi concelebrada pelo pároco Dom Nelson Francelino Ferreira, Bispo auxiliar da arquidiocese, e pelo Padre Anísio. O sacerdote da Congregação do Sagrado Coração de Jesus, que ficou durante um ano no Rio para ajudar na Jornada, vai se dedicar a uma paróquia em Palmas, no interior do Paraná. Padre Anísio, que foi o responsável pelo presente dado à paróquia, foi o primeiro a colocar a hóstia consagrada no ostensório. 

A paróquia, em Copacabana, tem adoração das 7h à meia-noite, exceto às terças-feiras, quando acontece das 7h às 9h e das 15h à meia-noite. (SP-ARQ.RIO)

Fonte: Rádio Vaticano 

Santuário de Aparecida reza com Santuários de todo o mundo


Aparecida (RV) - A Festa de Nossa Senhora Aparecida, no dia 12 de outubro, reúne milhares de devotos de todas as partes do Brasil em Aparecida (SP). Para esta mesma data, o Santuário Nacional de Aparecida recebeu um convite especial da Diocese de Roma para participar da Oração do Terço ‘Estar com Maria para além da noite’, em sintonia com mais nove Santuários do mundo. Os Santuários se unirão, via satélite, ao Santuário do Divino Amor, em Roma, para homenagear Nossa Senhora. 

De acordo com o Reitor do Santuário, Padre Domingo Sávio, a Diocese de Roma fez o convite ao Santuário Nacional de Aparecida e mais nove santuários: Nazaré, (Terra Santa), Lourdes (França), Vailankanni (Índia), Czestochowa (Polônia), Nairobi (Quênia), Banneux (Bélgica), Akita (Japão), Washington (EUA) e Lujan (Argentina). 

O terço será conduzido pelo Vigário geral para a Diocese de Roma, Cardeal Agostino Vallini, e Dom Lorenzo Leuzzi, Bispo auxiliar de Roma. Durante o terço será transmitido um vídeo com uma mensagem gravada pelo Papa Francisco. 

Padre Domingos Sávio informou ainda que a meditação dos Mistérios Gozosos do Terço via satélite acontecerá durante as comemorações da Padroeira do Brasil, no Altar Central, das 14h às 17h (horário de Brasília), onde cada santuário rezará cinco ave-marias em sua língua local. Quatro telões serão instalados pelo Santuário Nacional para que os romeiros possam acompanhar a oração. (SP-A12)

Fonte: Rádio Vaticano 

quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Papa nomeia novo Arcebispo de Porto Alegre


Dom Jaime Spengler - Nomeado Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre-RS


Cidade do Vaticano (RV) – Nesta quarta-feira, o Papa Francisco aceitou a renúncia ao governo pastoral da Arquidiocese de Porto Alegre (RS) apresentada por Dom Dadeus Grings, em conformidade ao can. 401 § 1 do Código de Direito Canônico.

O Santo Padre nomeou como Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre Dom Jaime Spengler, O.F.M., até então Auxiliar da mesma Arquidiocese.

Dom Spengler nasceu em 6 de setembro de 1960 na Diocese de Blumenau (SC). Foi ordenado sacerdote em 17 de novembro de 1990. Estudou Filosofia em Campo Largo e em Roma, Teologia em Petrópolis e Sagrada Escritura em Jerusalém.

Foi nomeado Bispo Titular de Patara e Auxiliar de Porto Alegre em 10 de novembro de 2010 pelo então Papa Bento XVI.Recebeu a ordenação episcopal em 5 de fevereiro de 2011. Atualmente, desempenha o cargo de Vigário Episcopal para a Região de Gravataí, da Arquidiocese de Porto Alegre. Seu lema episcopal é: "In Cruce Glorian - Gloriar-se na Cruz de Cristo."

Ele é Membro da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB, Bispo responsável pela subcomissão para a Vida Consagrada da CNBB e Presidente da Comissão Regional dos Presbíteros do Regional Sul 3 da CNBB.

(BF)
Fonte: Rádio Vaticano 

Fiéis poloneses se reunirão todos os meses para rezar pela JMJ


Organizadores da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2016 participaram nesta segunda-feira, 16, de uma Missa por intercessão do evento em Cracóvia, na Polônia. A Celebração foi presidida por padre Michal Królik, que apontou a preparação espiritual como a mais importante. 

"Vamos rezar para que as preocupações com a Jornada não tirem a paz do nosso coração. Recebemos esse chamado de Deus", destacou o padre. 

O jovem sacerdote destacou as iniciativas de oração realizadas no Brasil durante dois anos, em preparação a JMJ. Segundo padre Królik, que participou da edição brasileira do evento, o mais importante de uma Jornada é levar os jovens ao encontro com Jesus. 

O Comitê organizador do evento instituiu o dia 16 de cada mês,  como dia especial de oração, em todo o país, pelo evento. A data foi escolhida para recordar o dia da eleição do Papa João Paulo II, feito Pontífice no dia 16 de outubro de 1978. 
Fonte: Canção Nova

sábado, 14 de setembro de 2013

Papa envia Cardeal Hummes como seu enviado ao Paraguai


O Santo Padre nomeou neste sábado, 14, o Prefeito emérito da Congregação para o Clero, o Cardeal brasileiro Cláudio Hummes, O.F.M., seu Enviado Especial às celebrações conclusivas do 25º aniversário da canonização de São Roque González de Santa Cruz e dos Companheiros mártires. As celebrações acontecerão em Assunção, Paraguai, no dia 15 de novembro de 2013.
Mártires 
São Roque e seus companheiros foram alguns dos primeiros mártires sul-americanos. Foram assassinados pelos índios em 1628 e canonizados pelo Papa João Paulo II. Roque González nasceu em Assunção, Paraguai, em 1576. 
Fonte: Canção Nova

Confira as celebrações presididas pelo Papa Francisco nos próximos meses


O Vaticano divulgou na quinta-feira, 12, o calendário de celebrações presididas pelo Papa Francisco nos meses de setembro, outubro e novembro. Confira abaixo a programação:
Setembro
Domingo, 22
Visita Pastoral a Cagliari
Santuário Nossa Senhora da Candelária
Domingo, 29
26º Domingo comum
Praça São Pedro, 10h30
Santa Missa em ocasião do Dia dos Catequistas
Segunda-feira, 30
Sala do Concistório, 10h
Concistório para algumas Causas de Canonização
Outubro
Sexta-feira, 4
Visita Pastoral a Assis
Sábado, 12
Praça São Pedro, 17h
Oração mariana
Domingo, 13
28º Domingo comum
Praça São Pedro, 10h30
Santa Missa em ocasião da Jornada Mariana
Domingo, 27
30º Domingo comum
Praça São Pedro, 10h30
Santa Missa em ocasião da Jornada da Família
Novembro
Sexta-feira, 1º
Solenidade de Todos os Santos
Cemitério de Verano, 16h
Santa Missa
Sábado, 2
Celebração de todos os fiéis falecidos
Grutas Vaticanas, 18h
Momento de oração pelos Sumo Pontífices falecidos
Segunda-feira, 4
Basílica Vaticana
Altar da Cátedra, 11h30
Capela Papal
Santa Missa em sufrágio dos Cardeais e Bispos falecidos ao longo do ano
Domingo, 24
Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo Rei do Universo
Praça São Pedro, 10h30
Capela Papal
Encerramento do Ano da Fé
Fonte: Canção Nova

terça-feira, 10 de setembro de 2013

Museu do Santuário Nacional apresenta exposição com objetos dos Papas que já visitaram a Basílica


Cada item exposto conta uma diferente história marcada pela fé em um momento singular no Santuário Nacional de Aparecida. São paramentos, móveis e outros objetos litúrgicos que trazem à lembranças a uns e surpresa a outros.
São mais de 20 peças expostas no Museu Nossa Senhora Aparecida, localizada na Torre Brasília do Santuário Nacional, que contam um pouco da passagem de cada um dos papas que por aqui passou: João Paulo II, em 1980, Bento XVI , em 2007 e Papa Francisco, em julho deste ano.
“As pessoas são atraídas não só pela curiosidade, mas para se lembrarem dos momentos emocionantes que viveram no Santuário na presença dos pontífices. Há ainda aqueles que vêm conhecer porque não puderam ou não se lembram destes importantes momentos da Igreja Católica no Brasil”, conta o coordenador do Museu, Jonatas Veloso.
A visita ao museu dá direito a conhecer outras exposições e à subida à Torre Brasília, onde o visitante pode apreciar uma privilegiada vista do Vale do Paraíba. Suas paredes contam a história do Santuário, através de ilustrações legendadas. A entrada custa R$ 5 por pessoa, sendo que crianças até 10 anos e idosos acima de 60 isentos da taxa.
O museu funciona de segunda a sexta das 9h às 16h30, sábados das 7h às 17h e domingos 7h às 15h30.
O Museu do Santuário Nacional é considerado um dos museus mais visitados do Brasil, recebendo mais de 300 mil visitas por ano.
História - A história do Museu Nossa Senhora Aparecida tem pouco mais de 56 anos. Foi inaugurado em 8 de setembro de 1956, com benção do Cardeal Dom Carlos Carmelo de Vasconcelos Motta, primeiro Arcebispo de Aparecida.
Toda a sua coleção foi reunida pela professora Conceição Borges Ribeiro a partir de coleta de objetos pela região, com destaque para as peças indígenas.O primeiro local de funcionamento foi o prédio das Oficinas Gráficas de Arte Sacra de Aparecida. Mais tarde, o museu foi transferido para a Galeria do Hotel Recreio, onde permaneceu até a mudança definitiva para a Torre do Santuário, onde foi inaugurado em 12 de outubro de 1967, passando a ocupar o 2º andar.Em sua primeira versão o museu reunia um acervo diversificado, como seções de arte popular, numismática, selos religiosos, mineralogia, peças que pertenceram a Titulares do Império, entre outras.
Nos seus cinquenta e seis anos de atividade, o Museu pautou sua atuação pela recepção permanente de público à sua exposição central fixa, tendo também realizado eventos comemorativos e destaques expositivos temporários ligados a efemérides. A instituição também já empreendeu programa de recepção de escolas em visitas monitoradas ao acervo.
Fonte: A12.com

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Audiência Geral: Papa renova convite ao dia de jejum e oração pela Síria.E fala da 'saudade" do Brasil


Cidade do Vaticano (RV) – Em sua primeira Audiência Geral passados mais de dois meses, o Papa Francisco dedicou sua catequese desta quarta-feira à viagem que fez ao Brasil, por ocasião da Jornada Mundial da Juventude.

“Passou mais de um mês”, recordou o Papa, “mas considero importante falar deste evento para entender melhor o seu significado”. Antes de tudo, o Pontífice agradeceu a Deus o “presente” de poder voltar ao continente americano e a Nossa Senhora Aparecida, “importante para a história da Igreja no Brasil e na América Latina”, por tê-lo acompanhado durante toda a viagem.

Mais uma vez, agradeceu aos organizadores e às autoridades civis e eclesiásticas e a todos os brasileiros pela acolhida. “Brava gente” esses brasileiros, disse, afirmando ser o acolhimento a primeira palavra que emerge da viagem ao Brasil. Para Francisco, a generosidade das famílias e das paróquias brasileiras que acolheram fraternalmente os peregrinos, superando as dificuldades e inconvenientes, criou uma verdadeira rede de amizade.

A segunda palavra é festa. Ver jovens do mundo inteiro, saudando-se e abraçando-se é um testemunho para todos. Contudo, a JMJ é acima de tudo uma festa da fé: todos unidos para louvar e adorar o Senhor.

O terceiro elemento é a missão. “Ide e fazei discípulos entre todas as nações” foi o tema da Jornada do Rio. O mandato de Cristo aos seus discípulos foi acompanhado da certeza de que estaria com eles todos os dias. “Isso é fundamental”, disse o Papa, pois somente com Ele nós podemos levar o Evangelho, sem Cristo nada podemos fazer. Com Ele, ao invés, podemos fazer tantas coisas. Mesmo um jovem, que aos olhos do mundo conta pouco ou nada, aos olhos de Deus é um apóstolo do Reino, é uma esperança para Deus! Francisco então se dirigiu diretamente à juventude:

“Saiam de vocês mesmos, de todo fechamento para levar a luz e o amor do Evangelho a todos, até as extremas periferias da existência! Este foi precisamente o mandato de Jesus que confiei aos jovens que lotavam a perder de vista a praia de Copacabana. Um lugar simbólico, a margem do oceano, que lembrava a margem do lago da Galileia.”

Os jovens que estavam no Rio, prosseguiu o Pontífice, não são notícia porque não fazem escândalos e atos violentos. Mas se permanecerem unidos a Jesus, eles constroem o seu Reino, constroem fraternidade e são uma força potente para tornar o mundo mais justo e mais belo para transformá-lo. E Francisco pediu coragem à juventude mundial para assumir o desafio de ser esta força de amor e de misericórdia para mudar a realidade. E concluiu:

“Queridos amigos, a experiência da JMJ nos recorda a verdadeira grande notícia da história, a Boa Nova, mesmo que não apareça nos jornais e na televisão. Acolhimento, festa, missão: que essas não sejam mera lembrança do que aconteceu no Rio, mas sejam ânimo da nossa vida e a de nossas comunidades.”

Na saudação aos peregrinos, aos de língua portuguesa saudou de modo especial os brasileiros, dizendo estar com saudade de sua visita a Aparecida e ao Rio. Aos poloneses, recordou que a próxima JMJ será em Cracóvia.

No final da Audiência, o Papa recordou que sábado próximo será dedicado ao jejum e à oração pela paz na Síria, no Oriente Médio e no mundo inteiro.

“Renovo o convite a toda a Igreja e viver intensamente este dia e, desde já, expresso reconhecimento aos outros irmãos cristãos, irmãos de outras religiões e aos homens e mulheres de boa vontade que quiserem se unir a este momento. Exorto em especial os fiéis romanos e os peregrinos a participarem da vigília de oração, aqui na Praça S. Pedro, às 19h, para invocar do Senhor o grande dom da paz. Que se eleve forte em toda a terra o grito da paz!”

(BF)

Fonte: Rádio Vaticano 

Papa alcança 9 milhões de seguidores no Twitter


A conta do Papa no twitter alcançou nesta quarta-feira, 4, nove milhões de seguidores após quase nove meses de sua abertura. O perfil @pontifex divulga mensagens em nove idiomas: inglês, português, espanhol, italiano, francês, alemão, latim, polonês e árabe.
O maior número de seguidores vem do perfil em língua espanhola, mais de 3 milhões e 600 mil. Em seguida, aparecem os de língua inglesa (2 milhões e 920 mil), italiana (1 milhão e 53 mil), portuguesa (738 mil), francesa (186 mil), latim (159 mil), alemã (138 mil), polonesa (121 mil) e árabe (86 mil).
Nos últimos dias, com a intensa situação de crise na Síria, o Papa Francisco vem utilizando o microblog para lançar mensagens de paz. Em um dos posts desta terça-feira, 3, o Santo Padre escreveu: “Queremos que nesta nossa sociedade, dilacerada por divisões e conflitos, possa irromper a paz!”.
Fonte: Canção Nova

segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Apresentado programa da visita do Papa a Assis


Cidade do Vaticano (RV) - O Papa peregrino na Úmbria nas pegadas de São Francisco, padroeiro da Itália. Foi apresentado nesta segunda-feira, na sala da "espoliação" da sede do episcopado de Assis, o programa da visita do Papa Francisco à cidade de Assis, em 4 de outubro próximo.

No ato de apresentação do programa estavam com o bispo Domenico Sorrentino o prefeito Claudio Ricci, o arcebispo de Perugia e presidente dos bispos da úmbria, Dom Gualtiero Bassetti, e um representante das Famílias franciscanas.

O 4 de outubro será um dia intenso para o Papa em Assis, na festa do Santo padroeiro da Itália, em quem Bergoglio inspirou o seu Pontificado. Francisco chegará de helicóptero por volta das 7h45 locais ao campo esportivo do Instituto Seráfico, uma referência na caridade, cuja estrutura acolhe adolescentes de toda a Itália portadores de deficiências. O Papa se deterá brevemente com eles, partindo, em seguida, para o primeiro lugar franciscano, a Igreja de São Damião, lugar da conversão, no qual o Santo ouviu a voz do Crucifixo.

Dalí, o Santo Padre se deslocará para um momento significativo e sem precedentes: a visita, na sede episcopal de Assis, do quarto da "espoliação", que recorda o gesto radical do jovem Francisco diante do pai Pietro di Bernardone, onde o Papa encontrará alguns pobres assistidos pela Caritas, antes de entrar na Igreja de Santa Maria Maior, anexa ao episcopado.

Em seguida, às 11h, o Santo Padre presidirá à missa na Praça da Basílica de São Francisco, após a veneração dos restos mortais do Santo ali custodiadas. Ao término, acenderá a lâmpada votiva com o óleo deste ano oferecido pela Região da Úmbria, e depois se terá o almoço no Centro da Caritas diocesana, adjacente à Estação ferroviária de Santa Maria dos Anjos.

Na parte da tarde, por volta das 14h30, o Papa fará uma visita privada ao Ermitério dos Cárceres, lugar onde São Francisco de Assis e seus seguidores se retiravam para rezar e meditar. Depois, o Pontífice terá um encontro na Catedral de São Rufino com as representações de toda a diocese, que estará realizando o seu sínodo.

A seguir, fará uma visita privada às Clarissas, na Basílica de Santa Clara. Às 17h30, após uma oração silenciosa na Porciúncula, coração pulsante da espiritualidade franciscana, o Papa terá o abraço com os jovens na praça diante da Basílica de Santa Maria dos Anjos e, antes de partir de volta para Roma, passará pelo sugestivo Santuário de Rivotorto, onde visitará o tugúrio (refúgio) de São Francisco. O retorno ao Vaticano está previsto para as 20h. (RL)
Fonte: Rádio Vaticano 

domingo, 1 de setembro de 2013

Papa convoca dia de oração e jejum pela Síria


Cidade do Vaticano (RV) – O Papa convidou este domingo os fiéis de todas as Igrejas e religiões, as pessoas que não crêem e todos os homens e mulheres de boa vontade a praticarem o jejum e a oração no dia 7 de setembro, em favor da Síria. Visivelmente preocupado, Francisco dedicou inteiramente seu encontro de domingo à situação no país médio-oriental, onde a guerra civil já matou mais de 100 mil pessoas em três anos. Foi a primeira vez que o Papa não fez alguma menção à liturgia do dia antes de rezar a oração mariana do Angelus no Vaticano.

A multidão que lotava a Praça São Pedro ouviu as palavras do Pontífice com atenção e aplaudiu a decisão de Francisco de promover o “Dia de oração e jejum pela Síria”:

Decidi convocar toda a Igreja, no dia 7 de setembro, vigília da Natividade de Maria, Rainha da Paz, para um dia de oração e jejum pela paz na Síria, no Oriente Médio e no mundo inteiro. Convido a unir-se a esta iniciativa, do modo que considerarem mais oportuno, os irmãos cristãos não-católicos, os fiéis de outras religiões e todos os homens de boa vontade”.

Logo ao chegar ao balcão, depois do tradicional “Bom dia” dirigido ao público, Francisco disse que queria interpretar o grito que “se eleva de todos os cantos e povos da terra, do coração de cada um e da única família, que é a humanidade: o grito da paz”.

“Nunca mais a guerra! A paz é um dom precioso demais; deve ser promovido e tutelado”.

Evocando as “terríveis imagens” vistas nos últimos dias na Síria, o Papa disse estar angustiado pelos “dramáticos eventos que ainda podem acontecer” e fez um apelo por negociações e contra o uso de armas, condenando a utilização de gases químicos:

Pensemos em quantas crianças não poderão ver a luz do futuro! Com firmeza especial, condeno o uso de armas químicas. Existe o juízo de Deus e também o juízo da História sobre as nossas ações, e a estes ninguém pode se subtrair! O uso da violência nunca gera paz. Guerra chama guerra, violência chama violência! Com toda a minha força, peço aos envolvidos neste conflito que ouçam as suas consciências, que não se fechem em seus interesses, mas que vejam o próximo como seu irmão, que empreendam com coragem e decisão o caminho do encontro e das negociações, superando cegas contraposições. Exorto com igual firmeza a Comunidade Internacional a fazer todo esforço para promover e não protelar iniciativas claras pela paz, baseadas no diálogo, pelo bem de todo o povo sírio”.

Francisco pediu ainda que não se poupem esforços para garantir assistência humanitária aos afetados por este terrível conflito, especialmente aos desalojados no país e aos inúmeros refugiados nos países vizinhos. E que aos agentes humanitários seja assegurada a possibilidade de prestar a ajuda necessária.

O compromisso pela Paz proposto pelo Papa se estende a todos, pois “a paz é um bem que supera qualquer barreira, porque é um bem de toda a humanidade”.

Repito em alta voz: não é a cultura do atrito, a cultura do conflito que constrói a convivência nos povos e entre os povos, mas a cultura do encontro, a cultura do diálogo: esta é a única via para a paz. Que o grito de paz se eleve e chegue aos corações de todos, para que deponham as armas e se deixem guiar pelo anseio de paz”.

“E nós, o que podemos fazer pela paz no mundo? Como dizia Papa João XXIII, todos têm o dever de recompor as relações de convivência na justiça e no amor”. E no espírito da “corrente de empenho pela paz para unir os homens e mulheres de boa vontade", marcou encontro:

Aqui, de 19h até meia-noite, vamos nos reunir em oração e em penitência para invocar de Deus este grande dom para a amada nação síria e para todas as situações de conflito e de violência no mundo. A humanidade precisa ver gestos de paz e ouvir palavras de esperança e de paz!”.

Papa Francisco terminou com uma oração a Maria, para que nos ajude a responder à violência, ao conflito e à guerra com a força do diálogo, da reconciliação e do amor. E pediu às Igrejas particulares que promovam iniciativas semelhantes de reflexão, oração e sensibilização para a situação na Síria.
(CM)

Fonte: Rádio Vaticano

sábado, 31 de agosto de 2013

Papa nomeia Dom Pietro Parolin como novo Secretário de Estado

Dom Pietro Parolin - Novo Secretário de Estado do Vaticano

Cidade do Vaticano (RV) - O atual núncio apostólico na Venezuela, Arcebispo Pietro Parolin, foi nomeado pelo Papa Francisco como o novo Secretário de Estado do Vaticano, substituindo o Cardeal Tarcisio Bertone. A notícia foi anunciada oficialmente na manhã deste sábado, 31. 

O comunicado ressalta que o Papa pediu a Dom Tarcisio Bertone que permaneça no cargo até o dia 15 de outubro de 2013. Naquela data, em audiência com toda a Cúria Romana, Francisco agradecerá publicamente o fiel e generoso serviço prestado à Santa Sé pelo cardeal salesiano e apresentará Dom Pietro Parolin a seus colaboradores. 

O novo Secretário de Estado nasceu em Schiavon, na região do Veneto, norte da Itália, há 58 anos. De família simples, ficou órfão de pai aos 10 anos. Ingressou no seminário aos 14. Estudou Direito Canônico em Roma, foi ordenado sacerdote em 1980 e iniciou carreira diplomática na Santa Sé em 1986. Foi representante da Santa Sé na Nigéria e no México. Em 2002, foi chamado novamente a Roma e nomeado vice-secretário da Seção para as Relações com os Estados, colaborando com os Cardeais Angelo Sodano e Tarcisio Bertone. Dom Pietro se ocupou das relações com os países asiáticos, como Vietnã e China até 2009, quando foi nomeado por Bento XVI para a Nunciatura da Venezuela.

A nomeação de Dom Pietro Parolin marca o retorno à Secretaria de Estado de um diplomata de formação. O novo Secretário de Estado fala italiano, inglês, francês e espanhol.

Neste sábado também, o Santo Padre confirmou  nos respectivos cargos Dom Giovanni Angelo Becciu, Substituto para as Questões Gerais; Dom Dominique Mamberti, Secretário para as Relações com os Estados; Dom Georg Gänswein, Prefeito da Prefeitura da Casa Pontifícia; Mons. Peter Wells, Assessor para as Questões Gerais ; e Mons. Antoine Camilleri, subsecretário para as Relações com os Estados. 



(CM)
Fonte: Rádio Vaticano

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Proposta quer que escola pública estadual receba o nome de Dom Eduardo Koaik


O padre Antonio Carlos D'Elboux, pároco da Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em Rafard iniciou uma campanha para coletar 2.000 assinaturas visando respaldar uma proposta na Assembleia Legislativa de São Paulo dando o nome de Dom Eduardo Koaik, terceiro bispo diocesano, a uma escola estadual, em um dos 15 municípios que compõem a Diocese de Piracicaba.

Após a coleta, as assinaturas serão encaminhadas para o gabinete do deputado estadual Roberto Morais, que apresentará a proposta na Assembleia Legislativa paulista.

Padre D'Elboux já encaminhou para as paróquias o formulário para coleta das assinaturas.  Na folha devem constar: nome e/ou assinatura; endereço; cidade e o número do RG (Carteira de Identidade). O formulário está disponível no site da diocese.

As folhas preenchidas deverão ser encaminhadas à Cúria Diocesana, na avenida Independência, 1146, e entregues para a recepcionista Micheli Forti ou diretamente ao padre Antonio Carlos D'Elboux, na Paróquia Nossa Senhora de Lourdes, em Rafard. O prazo para devolução é até o final de setembro.
Fonte: Diocese de Piracicaba

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

Papa Francisco aproveita férias para preparar próxima encíclica e exortação


O Papa Francisco tem aproveitado esse período de verão no Vaticano para escrever. Tendo renunciado às férias em Castel Gandolfo, o Santo Padre se dedica aos esboços de uma nova exortação apostólica, sobre a nova evangelização, e ao projeto de uma nova encíclica sobre a pobreza: “Beati pauperes” (em tradução livre “Bem-aventurados os pobres”).
A exortação deve sair até 24 de novembro, quando se conclui o Ano da Fé, proclamado pelo Papa Emérito Bento XVI. O documento retoma o conteúdo e o esboço da exortação pós-sinodal da Assembleia Geral dos bispos sobre a nova evangelização, realizada no Vaticano em outubro passado.
Como revelado pelo próprio Francisco, o tema será abordado num contexto mais amplo, inspirando-se na “Evangelii nuntiandi“, exortação de Paulo VI, de 1975; uma firme referência para o Papa.
Já a nova encíclica, a “Beati pauperes” será centrada no tema da pobreza – tão querido ao Papa da “Igreja pobre e para os pobres”. O texto não deve interpretar a pobreza no sentido ideológico ou político, mas evangélico, como disse Francisco recentemente. O próprio título é extraído das Beatitudes evangélicas e do “discurso da montanha”: as beatitudes que Francisco, em seu tuíte de quinta-feira, 22, propõe como um “ótimo programa de vida para todos nós”.
Enquanto os textos são preparados, a primeira encíclica de Francisco faz sucesso na Itália. Em um mês, a "Lumen Fidei" já vendeu mais de 200 mil cópias. A encíclica publicada recentemente conta com as reflexões de Bento XVI, que iniciou sua escrita.
Fonte: Canção Nova com Rádio Vaticano

quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Visita do Papa Francisco a Assis


Assis (RV) – A pé como um simples peregrino na cidade do Pobrezinho. Assim os setores do Vaticano informaram que o Papa Francisco tem a intenção de prestar homenagem à cidade de Assis, na região da Úmbria, centro da Itália, na visita que realizará no próximo dia 04 de outubro. Os preparativos já estão bem adiantados. São esperadas 30 mil pessoas só de Assis e mais de 300 mil da Úmbria, Itália e do estrangeiro. A Região informou que o Santo Padre doará o óleo para a lâmpada votiva. 

O itinerário do Papa, o definitivo, só será detalhado no final deste mês ou começo de setembro. Autoridades vaticanas e forças policiais italianas já realizaram uma primeira visita detalhada aos lugares que o Papa visitará. Já está excluído que o Papa chegue de trem. Por motivos logísticos o Santo Padre vai de helicóptero. 

Esta será a primeira vez que Papa Francisco visita Assis. Além da Basílica de São Francisco, gostaria de visitar a Porciúncula (a terceira igreja restaurada por São Francisco e lugar onde o Pobrezinho de Assis faleceu), Santa Clara e o Ermo das Prisões. 

A única etapa já confirmada é a visita ao Instituto Seráfico de Assis, especializado na reabilitação, educação e inserção social de pessoas com graves distrofias físicas e mentais, que no último dia 12 de junho enviaram uma carta pessoal ao Papa e a resposta positiva veio através do assessor pontifício Mons. Peter Wells. (SP)
Fonte: Rádio Vaticano